27 novembro 2016

O que acontece quando uma pessoa está em coma? [ Psicoses Comenta ] A Travessia _ Willian P. Young


  Hoje vou falar sobre A Travessia - Willian P. Young, um livro incrível que realmente me fez refletir sobre a vida, sobre a minha vida para ser mais especifica.

   No primeiro capitulo temos a discrição de Tonny, Anthony Spencer Um homem bem sucedido nos negócios, mas com uma vida pessoal triste, um homem bem neurótico, ele se casou duas vezes com a mesma  mulher sendo que na segunda vez foi mais uma espécie de vingança, Vamos dizer que Tonny não se importa muito com os sentimentos das pessoas que o cercam.

   " O homem mais digno de pena é aquele que transforma seus sonhos em prata e ouro" - khalil Gibran  

Depois de uma noite de bebedeira Tonny acorda estranho, se sentindo tonto ele tenta chegar até seu carro, mas acaba caindo e batendo com a cabeça, é levado para o hospital, mas está desacordado em coma. 

     Quando finalmente acorda, ele está bem confuso, pois não  sabe o que acontece com ele, pensa que está morto pois acorda em um lugar estranho, não faz ideia de como chegou ali, e muito menos de como sair dali, a única opção que ele tem é anda e decidir qual caminho vai seguir sem saber qual é o certo. 

   Ok! Até essa parte do livro eu pensava já saber exatamente o que aconteceria, mas a escrita do autor é tão boa que me fez continuar lendo, ainda bem que continue porque não aconteceu nada do que eu pensava que era previsível de acontecer.

  Depois de muito andar e seguir por caminhos que ele não sabia se era o correto, ele começa e encontrar pessoas, que vão lhe dando dicas e informações sobre o lugar onde ele está, ele conversa com Jesus e o Espirito Santo. 

  Eu preciso confessar que o livro tem uma pitada cômica que me deixou ainda mais apaixonada por ele.

    Passada essa fase onde Anthony anda por caminhos desconhecidos, toma decisões sem saber as implicações, coisa que ele jamais fazia antes, ele se encontra em outra situação perturbadora, ele sai do lugar misterioso onde estava e passa a ver o mundo pelos olhos de outra pessoa, e a primeira pessoa é Cabby, um menino muito fofo, a seguinte é Maggie e essa foi a parte da leitura que ri alto, e começa a ficar apreensiva pois percebia que o livro estava pela metade e eu não conseguia se quer imaginar o destino de Tonny.

   Me senti muito confusa com o final deste livro, mas depois de refletir um pouco compreendi. O livro traz o assunto Religião, Deus , Jeusu, mas não é ofensivo, nem preconceituoso, e também não faz julgamento apenas nos faz refletir sobre nossas atitudes, nossas decisões, 

  "  - Justo? - resmungou Vovó. - Essa é boa. Anthony, não existe nada de justo em um mundo imperfeito, cheio de pessoas imperfeitas."  A Travessia, p. 101 .

  Este livro esteve na minha estante por muito tempo, resolvi lê-lo na maratona de férias em julho, amei a leitura, foi o primeiro livro do autor que li, e adorei, uma amiga me falou muito maravilhas sobre A Cabana, vou compra-lo par ler assim que possível, pois esses livros reflexivos sempre me causam uma paz interior, faz parecer que além de ler, que algo que me acalma, eu fiz uma longa sessão de autoconhecimento, e fico completamente zen  por um bom tempo.



   É uma ótima leitura para ser feita em momentos estressantes da vida, o momento em que eu li foi perfeito, estava de férias do curso, do estágio, mas a sobrecarga ainda estava nos meus ombros, muita correria e eu queria fazer tudo e estava esquecendo de viver para mim e de dar atenção as pessoas que amo.





  Recomendo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário